Crédito Rural


As Cooperativas CrediSIS possuem linhas específicas para o Agronegócio e o Crédito Rural. A maior parte do recurso destina-se a créditos de custeio para cobrir os gastos rotineiros com as atividades no campo.


Considera-se crédito rural o suprimento de recursos financeiros, para aplicação exclusiva nas finalidades e condições estabelecidas no MCR. O financiamento de crédito rural é fiscalizado pelo BACEN, conforme Lei 4.829 de 05 de novembro de 1965, art. 3º descrita logo abaixo na integra:


São objetivos do crédito rural:

a) estimular os investimentos rurais para produção, extrativismo não predatório, armazenamento, beneficiamento e industrialização dos produtos agropecuários, quando efetuado pelo produtor na sua propriedade rural, por pessoa física ou jurídica equiparada aos produtores;

b) favorecer o oportuno e adequado custeio da produção e a comercialização de produtos agropecuários;

c) fortalecer o setor rural;

d) incentivar a introdução de métodos racionais no sistema de produção, visando ao aumento da produtividade, à melhoria do padrão de vida das populações rurais e à adequada defesa do solo;

e) quando destinado a agricultor familiar ou empreendedor familiar rural, nos termos da Lei nº 11.326, de 24/7/2006, estimular a geração de renda e o melhor uso da mão-de-obra familiar, por meio do financiamento de atividades e serviços rurais agropecuários e não agropecuários, desde que desenvolvidos em estabelecimento rural ou áreas comunitárias próximas, inclusive o turismo rural, a produção de artesanato e assemelhados. (Lei 8.171 art. 48 § 1º - redação dada pela Lei nº 11.718/2008).


Não constitui função do crédito rural:

a) financiar atividades deficitárias ou antieconômicas;

b) financiar o pagamento de dívidas;

c) possibilitar a recuperação de capital investido;

d) favorecer a retenção especulativa de bens;

e) antecipar a realização de lucros presumíveis;

f) amparar atividades sem carácter produtivo ou aplicações desnecessárias ou de mero lazer.


O crédito rural pode ter as seguintes finalidades:

a) custeio;

b) investimento;

c) comercialização;


O Crédito de Custeio destina-se a cobrir despesas normais dos ciclos produtivos.

O Crédito de investimento destina-se a aplicações em bens ou serviços cujo desfrute se estenda por vários períodos de produção.

O crédito de comercialização destina-se a cobrir despesas próprias da fase posterior à coleta da produção ou a converter em espécie os títulos oriundos de sua venda ou entrega pelos produtores.


O CrediSIS também tem crédito para o homem do campo! Procure uma de nossas agências!